MENSAGEM DE ANO NOVO

MENSAGEM DE ANO NOVO

terça-feira, 28 de junho de 2016

Bairro do Vulcão em Floresta/PE - Uma nova realidade


Nos últimos quatro anos o Instituto Cultural Raízes em parceria com o Instituto da Juventude, vem realizando um trabalho inovador e pioneiro na Comunidade do Bairro do Vulcão, em Floresta/PE.

Tudo teve início com a ampliação das oficinas de Maracatu e posteriormente de Afoxé, atendendo a crianças e adolescentes do Bairro. As oficinas eram realizadas em frente a sede do Instituto Raízes na rua Alcina Torres de Araújo, em outras oportunidades eram realizadas na Academia das Cidades, ao lado do Erem Nestor Valgueiro e no Parque das Caraibeiras. "Existe toda uma carga de preconceito com relação às pessoas dos bairros periféricos e, nós buscamos primeiramente mostrar nas ruas que às crianças e adolescentes do Vulcão existiam e que estavam despertando para às suas origens culturais", afirma o Diretor Presidente do Instituto Cultural Raízes, Libânio Neto.

Em seguida, as oficinas passaram a ser realizadas na própria Comunidade do Vulcão, o que teve uma excelente recepção por parte dos moradores e familiares dos participantes, o que motivou a direção do Instituto Raízes a instalar a sede da ONG no próprio bairro à Rua Eloi Torres de Barros, nº 81.

Com a receptividade por parte da Comunidade outras ações foram se somando, das quais merecem destaque:
- A celebração do Dia Nacional da Consciência Negra (20 de novembro) que tem início na Comunidade do Vulcão e de lá saindo o Cortejo Cultural até a Igreja do Rosário, no Centro Histórico da Cidade.
- Em novembro de 2013, o Instituto Raízes realiza o 1º Festival Multicultural da Juventude, centralizando a programação no bairro do Vulcão.
- Em abril de 2014, o Instituto da Juventude iniciou uma ação de recuperação da Quadra Poliesportiva, ajudando a preservar um patrimônio público e à serviço da Comunidade, num investimento financeiro que ultrapassou a quantia de R$ 6.000,00 (seis mil reais).
- Também em abril de 2014, o Instituto da Juventude da início ao Projeto da Escolinha de Futsal do Vulcão, cujo investimento financeiro ao longo de pouco mais de um ano já ultrapassa a marca de R$ 10.000,00 (dez mil reais).
- Em 2015, o Instituto Cultural Raízes realiza a Semana da Consciência Negra e o Encontro Multicultural da Juventude, mais uma vez centralizando as ações no Bairro do Vulcão.
- Ainda em 2015, o Instituto da Juventude estrutura o Espaço Sócio Cultural Elias de Flora, para sediar a Escolinha de Futsal e a realização de oficinas de artes e espaço de lazer organizado da Comunidade, aplicando para tanto um recurso em torno de R$ 8.000,00 (oito mil reais). 
- Em novembro de 2015, mais uma ação inovadora foi concluída, um grande mutirão que se iniciou com uma equipe de moradores e depois somou-se crianças, adolescentes e jovens dos grupos culturais mantidos pelo Instituto Raízes, que revitalizou a praça do Vulcão, com plantio e conservação dos canteiros, além da pintura da praça. 

Além desse conjunto de ações, são realizadas atividades semanais, nas áreas da cultura e do esporte e, do estímulo a convivência harmoniosa entre às pessoas da comunidade.   

"Outro objetivo do trabalho foi o de destacar as coisas positivas que acontecem no cotidiano da Comunidade, com ênfase principalmente para os valores culturais, artísticos e esportivos existentes, além de mostrar o bairro como espaço de convivência, lazer, integração, vivência cultural e esportiva e, de cidadania", afirma Libânio Neto.

"Hoje, a comunidade do vulcão tornou-se o bairro mais cultural da cidade, a quadra é frequentada por pessoas de vários outros bairros que de forma harmoniosa praticam o esporte com os moradores locais, os índices negativos foram reduzidos significativamente e, a maioria das crianças e dos adolescentes estão integrados às atividades culturais e esportivas, além de que vemos crescer o sentimento de autoafirmação e de valorização humana e, isso só foi possível devido a integração de grande parte da comunidade aos nossos projetos", conclui Libânio Neto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário