PONTO DE PARTIDA

PONTO DE PARTIDA

quarta-feira, 17 de abril de 2019

Dia 7 de abril - A conta do doutor


Há três mil e setecentos anos, o rei da Babilônia, Hamurabi, estabeleceu por lei as tarifas médicas, ditadas pelos deuses:
Se o médico curou com sua lanceta de bronze uma ferida grave ou o abscesso em um olho de um homem livre, receberá dez shekels de prata.

Se o paciente é de família pobre, o médico receberá cinco shekels de prata. Se o paciente é escravo de um homem livre, seu senhor pagará ao médico dois shekels de prata.

Serão cortadas as mãos do médico se o seu tratamento tiver causado a morte de um homem livre ou provocado a perda de um olho.

Se o tratamento causou a morte do escravo de um homem pobre, o médico lhe entregará um escravo seu.

Se o tratamento tiver causado a perda de um olho do escravo, o médico pagará a metade do preço do escravo.

Do Livro: OS FILHOS DOS DIAS
De: EDUARDO GALEANO

Nenhum comentário:

Postar um comentário